Diárias de Mercado

Soja: na bolsa de Chicago, cotações seguem estáveis nesta 6ª feira

Os preços da soja continuam subindo na Bolsa de Chicago nesta sexta-feira (30)

Os futuros da oleaginosa, por volta de 08h05 (horário de Brasília), subiam entre 6,75 e 8,25 pontos nos principais contratos, com o novembro valendo US$ 8,75 e o março, US$ 9,01 por bushel.

O mercado, segundo explicam analistas e consultores, segue se ajustando, ainda mais neste momento de final de mês, onde os fundos investidores se alinham para rever suas posições e começar um novo período e, neste intervalo, se preparar para o início da colheita nos EUA.

“Este ano, o movimento baixista começou mais cedo devido ao pessimismo com a guerra comercial. Mas, o mercado no momento tenta recuperação e registra leves altas”, explica Steve Cachia, consultor da Cerealpar e da Agro Culte. E a recuperação, ainda segundo o especialista, encontra suporte, principalmente, nas perdas da nova safra americana.

“Suporte do atraso no desenvolvimento da safra americana e portanto do início da colheita, de reportes de produtividade abaixo do normal nos EUA e da possibilidade de geada precoce afetando a safra no centro-oeste americano”, diz Cachia.

Assim, permanece a atenção do mercado sobre as previsões climáticas para o Meio-Oeste dos EUA, com a mudança rápida dos mapas para as próximas semanas.

Ademais, os traders também não desviam seus olhares dos desdobramentos da guerra comercial e dos próximos passos a serem dados por Washington e Pequim. Novas tarifas podem começar a valer já a partir de setembro, porém, as equipes dos dois países, de acordo com informações de agências internacionais, poderiam buscar um alinhamento para que as taxas sejam ao menos adiadas.

Por Carla Mendes/ Notícias Agrícolas

Etiquetas
Continuar lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar