Mercado Financeiro

Frango e ovo: as margens do varejo em relação ao atacado

Contrapostos os preços do atacado aos do varejo na cidade de São Paulo (fontes: Jox e Procon-SP), observa-se, em relação ao ovo – que a margem registrada no final de 2018 foi muito similar à da primeira semana do ano passado, da ordem de 250%. Mas, na média das 52 semanas do ano, essa média ficou em 181,04%

Já no tocante ao frango abatido a margem foi bem mais modesta: alcançou média de 65,94% no ano, registrando variações menores que as do ovo. Assim, frente a uma amplitude entre mínimo e máximo de 84,2 pontos percentuais do frango abatido, a do ovo atingiu 147,5 pontos percentuais.

Registre-se de toda forma, que essa amplitude em 2018 deve ter sido maior que a de anos anteriores. E para ambos os produtos, em função dos problemas de abastecimento enfrentados entre maio e junho em decorrência da greve dos caminhoneiros. Pois foi nessa ocasião que se observaram as menores margens do ano, o que significa que não foram totalmente repassadas ao varejo as elevações de preços então registradas no atacado.

Frango e ovo: as margens do varejo em relação ao atacado 1

Por Avisite

Etiquetas
Continuar lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar