Diárias de Mercado

Café: cotações na Bolsa de Nova York seguem em alta nesta 4ª feira

O mercado futuro do café iniciou a sessão desta quarta-feira (13) com altas de até 35 pontos na Bolsa de Nova York (ICE Future US).

Por volta das 8h54 (horário de Brasília) o contrato com vencimento em dezembro/19 registrava alta de 30 pontos e era cotado a 105,90 cents/lbp, março/20 subia 25 pontos, por 109,15 cents/lbp, maio/20 tinha alta de 30 pontos, sendo negociado a 111,55 cents/lbp e julho/20 subia 35 e era negociado a 113,80 cents/lbp.

Às 8h58 o dólar tinha alta de 0,56% e era cotado a R$ 4,166 na venda. O dólar mais valorizado tende a incentivar as exportações. O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo.

Na terça-feira (12), o site internacional Barchart, mais uma vez destacou as previsões de chuvas no Brasil. “As preocupações da safra brasileira de café diminuíram, depois que o Somar Meteorologia informou na segunda-feira que as chuvas em Minas Gerais, a maior região produtora de café arábica do Brasil, mediam 55,2 mm na semana passada, ou 130% da média histórica”, afirmou o site.

Mercado Interno

No Brasil, o mercado interno acompanhou o exterior e também registrou algumas variações na terça-feira (12).

O tipo 4/5 teve a maior alta registrada em Varginha/MG, com 3,23% e valor de R$ 480,00. Em Guaxupé/MG a elevação foi de 1,08% e preço de R$ 470,00. Franca/SP manteve a estabilidade por R$ 480,00.

Por AGRONEWS BRASIL – Fonte: Notícias Agrícolas

Etiquetas
Continuar lendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar